Compras online deverão atingir quatro mil milhões em 2017

2014-07-15
Fonte: Económico
Foto por: Cortesia de Stuart Miles / FreeDigitalPhotos.net

Governo quer criar condições para que as empresas se desenvolvam na economia digital, garantiu ontem o Secretário de Estado Adjunto e da Economia de Portugal.

 O comércio eletrónico deverá ser responsável por quatro mil milhões de euros de compras em 2017, valor que representa cerca de 2,5% do Produto Interno Bruto (PIB), avançou, no passado dia 3 de julho, Rui Marques, Vice-Presidente da Associação de Comércio Eletrónico e Publicidade Interativa (ACEPI), na conferência Mobile Forum Portugal, promovida pela ACEPI, APDC e Mobile Marketing Association (MMA).
O valor compara com os 2,4 mil milhões de euros de compras atuais, realizadas por 2,7 milhões de internautas - o valor representa 1,5% do (...)

Brasil terá 68% da sua população com acesso à internet em 2018

2014-07-14
Fonte: Tele Síntese
Foto por: Cortesia de ddpavumba / FreeDigitalPhotos.net

O estudo da Cisco Visual Networking Index, que analisa o tráfego global de Internet para o período de 2013 a 2018, indica um crescimento anual de 9,6% no número de usuários de Internet na América Latina e projeta que os países da região devem chegar em 2018 com 371 milhões de usuários de internet. Globalmente, até 2018, 52% da população (3,6 mil milhões) terão acesso à internet e existirão 2,7 dispositivos por pessoa, sendo 50% das conexões pela rede móvel.

No detalhamento da região, o estudo mostra que, até 2018, 68% da população brasileira terão acesso à Internet (142 milhões de pessoas, contra 81 milhões em 2013), com uma média de 3,1 dispositivos conectados por pessoa e mais: 55% dos equipamentos serão conectados pela rede móvel. O Chile também terá 68% de sua população com acesso à internet, porém, quatro devices per capita e 48% dos equipamentos conectados pela rede móvel. Já no México, o percentual da população com acesso à Internet será de 54%, com 2,4 aparelhos por pessoa e 51% de (...)

Vice-Governador de Luanda destaca contributo das TIC no desenvolvimento social

2014-07-14
Fonte: Angola Telecom
Foto por: Angola Telecom

O Vice-Governador de Luanda para a área técnica e infraestruturas, Agostinho Silva, destacou o contributo das tecnologias de informação e comunicação no desenvolvimento sócioeconómico do país, em particular das populações de Luanda.

 De acordo com o responsável, o contexto político e social satisfatório que o país vive desde o alcance da paz é, sem sombra de dúvidas, o grande motivo de aumento do uso das novas tecnologias de informação. "Acreditamos que esta grande amostra de inovações de novos serviços, produtos e soluções irá trazer vantagens para o mercado angolano, particularmente, aquelas que terão impacto real na vida dos cidadãos e na economia", sublinhou.
A Expo TIC, que decorreu sob o lema «Os serviços na nuvem e a mobilidade do cidadão, desafios (...)

Consumidores europeus continuam pouco satisfeitos com as telecomunicações

2014-07-13
Fonte: Sapo Tek
Foto por: Cortesia de taesmileland / FreeDigitalPhotos.net

O mercado das telecomunicações continua a apresentar resultados abaixo da média no que se refere à confiança, à escolha de fornecedores e à satisfação geral do consumidor na União Europeia.

Os dados constam do 10.º Painel de Avaliação dos Mercados de Consumo e referem o que as telecomunicações registam igualmente a maior incidência de problemas e queixas de todos os grupos do mercado.
Pela positiva, os indicadores da comparabilidade e da facilidade em mudar de fornecedor registam valores acima da média e as taxas de mudança são as mais elevadas para todos os grupos do mercado.
O relatório menciona que, em setembro de 2013, a Comissão adotou o pacote legislativo Continente Conectado que visa eliminar as tarifas de roaming (...)

A internet tal como a conhecemos está em risco de desaparecer, afirmam peritos

2014-07-12
Fonte: Observador
Foto por: Cortesia de Stuart Miles / FreeDigitalPhotos.net

Acaba de ser publicado um relatório que se mostra pessimista sobre o futuro da internet para os próximos 10 anos. O documento foi divulgado pelo Pew Research Internet Project e traça um cenário preocupante. Na lista de nomes inclui-se Vint Cerf (co-autor do protocolo tcp/ip) e Jeff Jarvis, reputado professor universitário e defensor das liberdades digitais.

Há muitos meses que o debate está aceso, em especial nos Estados Unidos da América, onde a FCC aprovou recentemente normas que dão às grandes empresas a possibilidade de negociar com os fornecedores de internet velocidades de acesso privilegiados. Este ato viola o princípio da neutralidade (conhecido por “net neutrality”), que se baseia no pressuposto da igualdade de acesso, ou seja, de que todos os utilizadores devem ser tratados do mesmo modo, seja uma grande empresa ou o cidadão individual. Para já, aqui na Europa, estamos protegidos.
Para (...)

Google quer entrar no mercado da música digital

2014-07-12
Fonte: Notícias ao minuto
Foto por: Cortesia de digitalart / FreeDigitalPhotos.net

A Google não quer ficar para trás e, para tal, resolveu entrar no mundo da música digital. A empresa de Mount View está a negociar a aquisição da Songza, uma aplicação de música.

Durante vários anos a Apple esteve à frente na área da música digital, mas agora, a Google também quer ter uma fatia do mercado com a aquisição da aplicação Songza, conta o The New York Post.
A empresa de Moutain View tem cerca de 11 milhões de euros para comprar a aplicação de música Songza. Apesar de não ser muito conhecido nesta área, o serviço distingue-se pelo facto de ter listas de músicas definidas para diferentes estados de espírito e momentos.
A Google tenta responder à aquisição milionária da Apple à Beats.

Google compra startup por 500 milhões de dólares para que nem o céu seja o limite

2014-07-12
Fonte: Sapo Tek
Foto por: Skybox Google

A Google está na terra, no ar e agora também vai estar no espaço. A tecnológica oficializou um negócio que há semanas vinha a ser dado como certo, numa tripla jogada estratégia da gigante norte-americana.

A Google comprou a empresa Skybox, especializada em microssatélites, por 500 milhões de dólares, o equivalente a 370 milhões de euros. O negócio já tinha sido dado como quase certo no final de maio, acabou por ficar mais em conta, já que na altura falava-se numa aquisição cujo valor rondaria os mil milhões de euros.
O negócio que fica agora fechado representa um triplo investimento para a Google.
Em primeiro lugar a empresa vai poder usufruir desde já da tecnologia de captação de imagens em alta definição dos satélites da Skybox (...)

NOS abre três novas salas de cinema em Moçambique

2014-07-12
Fonte: Económico
Foto por: NOS

A NOS, operadora que resulta da fusão entre a Zon e a Optimus, vai abrir três novas salas de cinema em Moçambique.

A operadora está presente naquele país através da Lusomundo Moçambique e conta já com duas salas de cinema em Maputo. "Está prevista a inauguração de um novo complexo de cinemas", segundo o relatório e contas da operadora liderada por Miguel Almeida.
As três novas salas estão "em construção em Matola, com data prevista de abertura para o segundo trimestre de 2014", confirmou ao Diário Económico fonte oficial da empresa. Sem revelar valores de investimento, a mesma fonte refere contudo que "tal como em Maputo manteremos a aposta no (...)

O impacto das redes sociais nas nossas profissões

2014-07-12
Fonte: CiberTransistor
Foto por: Cortesia de jscreationzs / FreeDigitalPhotos.net

As redes sociais estão sem dúvida a mudar as nossas vidas, tanto ao nível pessoal como profissional. O uso destas novas plataformas mistura ambas as esferas e provoca alterações na forma como desempenhamos as nossas funções, conduzimos negócios e executamos tarefas.

Outra mudança está relacionada com a quantidade de Data gerada pela nossa atividade digital no mundo real: 90% dos utilizadores de smartphone mantêm-no a menos de 1,5 metros de distância a qualquer altura do dia, o que significa que estes aparelhos se tornam nos sensors de comportamento humano mais precisos da história da humanidade.

Big Data = Big Decisions
Estes dados podem ser utilizados para monitorizar a nossa vida, a nossa saúde e quando analisada de forma agregada e anónima, pode também (...)

Google investe mais de mil milhões para levar Internet a quem não tem

2014-07-11
Fonte: Sapo Tek
Foto por: Google

A Google vai investir mais de mil milhões de dólares num projeto que tem como objetivo levar a Internet a locais do mundo onde o acesso à rede ainda não está disponível.

Para alcançar o objetivo, a empresa planeia instalar 180 satélites de grande capacidade que estarão posicionados a uma altura menor que a dos satélites convencionais.
A instalação deste conjunto de satélites será o primeiro passo no projeto que a Google já tinha anunciado e que é agora detalhado numa notícia publicada no The Wall Street Journal.
A liderar esta missão da Google estará uma equipa com 10 a 20 engenheiros, parte dos quais recrutados à empresa Space Systems/Loral LLC.
O valor que a Google vai investir neste (...)