Comércio entre a China e os países de língua portuguesa cresce 29,81% de janeiro a outubro

2018-01-07
Fonte: Macauhub
Foto por: Cortesia de satit_srihin em FreeDigitalPhotos.net

O comércio entre a China e os países de língua portuguesa cresceu 29,81% em termos homólogos de Janeiro a Outubro para 97,99 mil milhões de dólares, revelam dados oficiais chineses divulgados pelo Fórum de Macau.

Ao longo dos primeiros dez meses do ano a China importou dos oito de língua portuguesa mercadorias no valor de 68,38 mil milhões de dólares (+32,21% em termos homólogos) e exportou para aqueles países bens no valor de 29,61 mil milhões de dólares, assumindo um défice comercial de 38,77 mil milhões de dólares.
Com o Brasil, o principal parceiro comercial mundial, a China trocou mercadorias no montante de 72,83 mil milhões de dólares (+29,26%), tendo vendido aquele país da América do Sul bens no valor de 23,50 mil milhões de dólares (+33,12%) e comprado produtos no valor de 49,33 mil milhões de dólares (+27,50%).
Angola surge no segundo lugar com um comércio bilateral no valor de 18,80 mil milhões de dólares (+47,06%), com vendas angolanas de 16,92 mil milhões de dólares (+48,83%) e vendas chinesas no valor de 1,87 mil milhões de dólares (+32,82%).
Depois de Angola surge Portugal com trocas comerciais com a China no montante de 4,66 mil milhões de dólares (+0,50%), com a China a ter vendido bens no valor de 2,97 mil milhões de dólares (-11,69%) e a ter comprado produtos cujo valor ascendeu a 1,69 mil milhões de dólares (+32,69%).
Moçambique aparece num já distante quarto lugar, com um comércio bilateral no valor de 1,49 mil milhões de dólares (-0,88%), com as empresas chinesas a terem vendido bens no valor de 1,07 mil milhões de dólares (-5,27%) e a terem comprado produtos cujo valor ascendeu a 426 milhões de dólares (+12,19%).
Os restantes países de língua oficial portuguesa – Cabo Verde, Guiné-Bissau, Timor-Leste e São Tome e Príncipe – registaram nos primeiros dez meses do ano trocas comerciais com a China no valor de 196 milhões de dólares.

Dezembro 2017

Bookmark and Share