Instalação do Cabo Submarino Brasil-Angola deve ser concluída este ano

2017-12-10
Fonte: Tele síntese
Foto por: Angola Cables

O South Atlantic Cable System (SACS), primeiro cabo submarino a cruzar o Atlântico Sul, está em etapa final de instalação. Segundo a operadora responsável pela infraestrutura, a Angola Cables, 75% do cabo já está acomodado no fundo do mar. A expectativa é que o lançamento nas águas termine ainda este ano, e que o sistema comece a operar no primeiro trimestre de 2018.

O cabo está sendo implantado pela francesa Orange Marine, especialista em colocação de cabos em águas profundas. A NEC Corporation é responsável pela integração dos sistemas do cabo de fibra ótica para a Angola Cables.
O cabo terá capacidade de pelo menos 40 Tbps. Quando ficar pronto, o SACS será a única ligação entre Angola e Brasil. A fase de instalação em águas profundas deve levar cerca 90 dias. O cabo tem uma extensão de 6.2 mil quilómetros, alojados a profundidades que passam de 5 mil metros, abaixo do nível do mar em alguns pontos.
O SACS representa uma oportunidade para Angola se tornar um dos hubs de telecomunicação na África subsaariana. Investimentos em sistemas de cabos submarinos e data centers estão criando pontes digitais e aproximando continentes, mas também melhorando o acesso aos principais circuitos internacionais de telecomunicações”, diz António Nunes, CEO da Angola Cables.

Novembro 2017

 

Bookmark and Share