AGER termina com tarifação assimétrica em São Tomé e Príncipe

2017-03-11
Fonte: AGER
Foto por: AGER

A Autoridade Geral de Regulação, AGER, congratula-se com o fim da tarifação assimétrica nas chamadas da rede móvel da CST-Companhia Santomense de Telecomunicações.

Desde 1 de fevereiro de 2017, as chamadas para clientes da rede UNITEL passaram a custar o mesmo que as chamadas para clientes da própria CST, eliminando assim, um fator de distorção do mercado que a AGER não podia deixar de assinalar com satisfação.
Com esta medida adotada pela CST na sequência da Resolução nº7/AGER-CA/2016, o mercado de comunicações eletrónicas em São Tomé e Príncipe, revela mais um sinal de maturidade e dá um passo em frente nas condições de concorrência, indispensáveis para um mercado dinâmico, que responda às necessidades da população e contribua para o desenvolvimento socioeconómico do país.
A AGER continuará a atuar de forma determinada para promover essa sã concorrência entre operadores.

Fevereiro 2017

Bookmark and Share