A AICEP debateu “Na Rota de uma Televisão Melhor e Mais Flexível - Viagem ao Mundo da Comunicação Digital através da Imagem e do Som”

2018-07-13
Fonte: AICEP
Foto por: AICEP

Em plena revolução tecnológica com o advento da Ultra-Alta Definição (“4K e 8K”) estamos a assistir à entrada em força na Televisão do IP (“Internet Protocol”), sendo esta tão natural como o verificado no arranque do recurso à filosofia digital com o aparecimento do SDI (“Serial Digital Interface”). Os anos que se avizinham vão ser explosivos na implementação destas tecnologias, com o IP a tornar a actividade televisiva, e não só, em algo na qual a flexibilidade será a palavra de ordem.

Haverá ainda lugar para o desenvolvimento e aplicações do HDR (“High Dynamic Range”), do HFR (“High Frame Rate”), assim como para a “nova” Colorimetria associada (WCG) e, ainda, para o som a disponibilizar (NGA), dado que este para além de ser ouvido passará, também, a ser sentido.
As novas câmaras e televisores baseados na filosofia da visão das abelhas (“Light Field”), o modo de armazenamento audiovisual de longa duração e ainda os sistemas de transmissão e distribuição atuais e no futuro próximo, serão também temas a (...)

José Carlos Lourenço assume direção da ZAP

2018-07-12
Fonte: Marketeer
Foto por: Sapo

Depois de quatro anos enquanto COO do Grupo Global Media, José Carlos Lourenço assumiu a Direção-Geral da ZAP no passado mês de Junho. Recorde-se que a ZAP é uma empresa de distribuição de televisão por satélite em Angola e Moçambique e que conta, atualmente, com 1300 colaboradores e mais de 1,4 milhões de clientes.

Em comunicado, a ZAP adiantou que José Carlos Lourenço está “muito entusiasmado com a oportunidade de se juntar a um projecto ganhador, com uma fantástica equipa com elevado reconhecimento dos seus clientes e com ambição de crescimento nos vários mercados em que opera”.
José Carlos Lourenço sucede a Nuno Aguiar, na Direção-Geral da ZAP desde a fundação da empresa. O profissional passou a assumir “funções de grande responsabilidade no âmbito da NOS”, afirma a ZAP.

Maio (...)

Correios do Brasil lançam aplicação de pré-atendimento para agilizar postagem de encomenda nacional

2018-07-12
Fonte: ECT - Correios do Brasil
Foto por: ECT - Correios do Brasil

Os Correios lançaram uma aplicação de pré-atendimento, ferramenta para facilitar a vida do cliente. Inicialmente, a app permite a pré-postagem de encomenda nacional. Para o próximo semestre, está prevista a inclusão de outras funcionalidades.

Disponível na Play Store para os aparelhos Android (versão 6 ou superior), a aplicação também poderá ser encontrada para sistema IOS a partir de julho.
Com a aplicação, o cliente pode preencher os dados necessários para o envio de sua encomenda, saber preços e prazos, realizar a pré-postagem e até imprimir o rótulo de endereçamento e a declaração de conteúdo. Com o código gerado, o prazo é de até três dias úteis para finalizar a postagem em qualquer agência dos Correios.

Correios do (...)

CTT e Sonae criam plataforma de comércio eletrónico

2018-07-12
Fonte: CTT - Correios de Portugal/ Sapo 24
Foto por: CTT - Correios de Portugal

Os CTT e a Sonae vão avançar com uma parceria na área do comércio eletrónico, através do estabelecimento de uma joint-venture que visa a exploração de uma nova plataforma em modelo marketplace.

O acordo foi assinado no passado dia 14 de junho e visa a constituição de uma sociedade que terá como acionistas os CTT (50%), empresa de referência no segmento de expresso e encomendas, e a Sonae (50%), empresa de referência na área de retalho. O investimento necessário para a implementação do projeto será de 10 a 15 milhões de euros nos primeiros anos de operação, repartido em partes iguais entre as duas empresas.
Os dois grupos possuem competências complementares que irão aproveitar na criação de um marketplace que preste serviços (...)

Angola Telecom aposta na melhoria dos serviços

2018-07-12
Fonte: ANGOP
Foto por: Angola Telecom

O membro da Comissão de Gestão da empresa de telecomunicações Angola Telecom, Adilson Santos, afirmou no passado dia 6 de julho, no Sumbe, que a melhoria dos serviços de dados, voz e expansão da rede ao nível dos municípios constitui a grande aposta do sector.

O responsável que falava durante a cerimónia de apresentação do novo Diretor da Angola Telecom no Cuanza Sul, Hossi Francisco Alfredo, referiu que este é um desafio imposto no sentido de beneficiar a população usuária.
Reconheceu que actualmente a tarifa da telefonia móvel no país é alta, devido os factores que concorrem para a sua operacionalidade.
Na sua ótica, com a Lei da Concorrência em vigor, a situação pode mudar para melhor.
Temos a plena certeza que com a concorrência de mais empresas para o sector de (...)

Angola Cables quer conectar Países BRICS

2018-07-12
Fonte: Pedro Ozores, BN Américas/ Angola Cables
Foto por: Angola Cables

Um projeto da Angola Cables poderá em breve começar a conectar os países do bloco de países BRICS (Brasil, Rússia, Índia, China e África do Sul). “A rede da Angola Cables, incluindo o cabo de fibra ótica entre o Brasil e Angola, permitiria uma conexão imediata dos BRICS. De facto, estamos neste momento a falar com a parte sul-africana para promover a conectividade”, disse António Nunes, CEO do grupo angolano de telecomunicações, à BN Americas numa entrevista exclusiva.

O projeto ainda precisa de envolver outros atores e criar parcerias operacionais. Atualmente, os sistemas submarinos da Angola Cables, detidos diretamente ou em consórcio, concentram-se no Atlântico. Entre eles estão Monet, que conecta a Flórida (EUA) a Fortaleza e Santos (Brasil), e Maldonado (Uruguai), em parceria com o Google, Antel e Algar; e o Sistema de Cabo do Atlântico Sul (SACS), um projeto que liga a capital angolana Luanda a Fortaleza ao longo de uma linha de 6.200 km. O Monet está em funcionamento enquanto o SACS foi implementado, mas ainda (...)

Cabo Verde Telecom pede admissão à cotação em bolsa

2018-07-12
Fonte: Macauhub/Expresso das Ilhas
Foto por: CV Telecom

A Cabo Verde Telecom (CV Telecom) vai apresentar um pedido de admissão à cotação na Bolsa de Valores de Cabo Verde das ações representativas do capital social, de acordo com uma decisão tomada na Assembleia-Geral Ordinária, realizada no passado dia 18 de junho, na Praia.

O departamento de Comunicação e Imagem da CV Telecom informou, em comunicado, terem os acionistas aprovado o pedido de admissão à cotação na Bolsa de Cabo Verde, entidade criada em Maio de 1998, com uma capitalização atual de 61 mil milhões de escudos (642 milhões de dólares) e quatro empresas no mercado de ações.
A Assembleia-Geral permitiu ao Conselho de Administração apresentar as contas relativas ao exercício de 2017, ano em que a empresa obteve um resultado líquido de 160 milhões de escudos, tendo os acionistas aprovado a (...)

UNITEL T+ faz aposta nas pessoas

2018-07-12
Fonte: Jornal de Angola

Em novembro de 2012 a UNITEL Internacional adquiriu em Cabo Verde a T+, empresa de telefonia móvel até então detida por um consórcio franco-senegalês. Nessa altura, tinha 24 por cento da quota do mercado cabo-verdiano. Seis anos depois, o número quase duplicou, com os atuais 42 por cento de domínio do sector.

Entrevista a Inoweze Dias Ferreira, um dos Administradores Executivos da UNITEL T+:

É impressão nossa ou o serviço da UNITEL T+ é mais barato em Cabo Verde do que Angola?
São realidades distintas. Angola é país extenso e com uma massa populacional maior, o que faz com que seja muito mais caro fazer chegar a rede a todo o país. Cabo Verde é um país com uma infraestrutura mais consolidada. Objetivamente falando, o Governo de Cabo Verde tem procurado, com sucesso, criar uma dinâmica de (...)

Estudo internacional coloca RTP no topo da confiança na informação

2018-07-12
Fonte: RTP
Foto por: RTP

Um estudo europeu concluiu que Portugal é o país em que as pessoas mais confiam na informação.

No topo da confiança, segundo o estudo do Instituto Reuters, está a RTP.

Veja aqui a notícia.

 

Plano Estratégico 2017/2020 apresentado aos trabalhadores do INACOM

2018-07-12
Fonte: INACOM
Foto por: INACOM

O Conselho de Administração do Instituto Angolano das Comunicações (INACOM) procedeu, recentemente, à apresentação do Plano Estratégico 2017/2020, depois de um aturado trabalho de elaboração que decorreu ao longo de vários meses, com a participação de quadros da Instituição, e pela consultora KPMG.

A ação do dia 24 de maio de 2018 consistiu na apresentação e distribuição de exemplares do Plano Estratégico, depois de aprovado em Fevereiro deste ano pelo Órgão de Tutela, o Ministério das Telecomunicações e Tecnologias de Informação.
Após uma análise ao contexto atual e aplicando a metrologia do BSC (Balanced Scorecard ou Tableau de Bord) foram definidas as componentes do posicionamento estratégico: Missão, Visão, Valores e Objetivos Estratégicos, pilares estratégicos que representam a orientação que o INACOM deverá ter nos (...)